setembro/2011 Michelin apresenta a evolução do Pneu Radial para mineração e terraplanagem na Exposibram 2011

Submetido a 2 milhões de horas/teste, Pneu MICHELIN XDR2 tem durabilidade excepcional e menor impacto ambiental, pois é livre de óleos aromáticos

A Michelin participa da Exposibram 2011, feira que acontece de 26 a 29 de setembro, em Belo Horizonte, na Expominas, com sua mais recente inovação para mineração e pedreiras: o novo pneu MICHELIN XDR2. O pneu radial MICHELIN XDR2 possui volume 20% a mais, gerando maior vida útil e permitindo ao usuário mais produtividade em seu negócio.

Além da linha completa de pneus Michelin para mineração e terraplanagem no estande da empresa serão realizadas algumas sessões de cinema. Um filme apresentará o resultado de recente e inédito teste comparativo entre a tecnologia radial e a diagonal e outro será sobre a presença da Michelin na construção do Canal do Panamá, maior obra de infraestrutura dos últimos tempos.

Projetado para caminhões de carga, o pneu MICHELIN XDR2 apresenta camadas de aço de proteção 60% mais fortes, gerando um melhor efeito de blindagem às agressões e cortes, se comparado ao seu antecessor, o pneu MICHELIN XDR. Além disso, o desenho da parede lateral do MICHELIN XDR2 tem duas vezes a espessura da parede lateral do anterior, sendo assim mais resistente a cortes.

Também em comparação com o antecessor, o pneu MICHELIN XDR2 utiliza a tecnologia C2* em seu revestimento, proporcionando assim uma temperatura média de funcionamento mais fria, maximizando o potencial de vida útil, que chega até 20% a mais. Graças a sua durabilidade excepcional, o pneu MICHELIN XDR2 colabora na diminuição dos custos operacionais e, consequentemente, na redução de custos das empresas.

O pneu MICHELIN XDR2 está atualmente disponível nas dimensões 27.00R49, 33.00R51, 40.00R57 e 53/80R63. Outras dimensões estarão disponíveis a partir do primeiro semestre de 2012. Os pneus MICHELIN XDR2 foram submetidos a mais de 2 milhões de horas de testes em condições reais no Centro de Testes da Michelin em Almeria, na Espanha. Atualmente está sendo utilizado em várias empresas ao redor do mundo, como BHP Billiton, Anglo American, Xstrata e Barrick. Em breve ele será utilizado pela Vale.

O pneu MICHELIN XDR2, que é produzido na fábrica de Campo Grande, no Estado do Rio de Janeiro, Brasil, uma das mais modernas do Grupo Michelin, está em linha com a preocupação da empresa em elaborar os melhores produtos de forma sustentável. A inovação desse pneu permitiu à Michelin fabricá-lo sem a utilização de óleos aromáticos, que prejudicam o meio ambiente.
________________________________________________________________________________________
*Tecnologia C2 Michelin: inovação Michelin na modificação da estrutura da carcaça.


Pneus Radiais Michelin para Mineração e Terraplanagem

Os pneus radiais Michelin são apropriados para diversas situações, principalmente num regime de trabalho intenso, entre 200 e 500 horas/mês, em pisos agressivos ou abrasivos.

A tecnologia radial, desenvolvida pela Michelin, está presente em quase 100% dos pneus para veículos de passeio e rodoviários, substituindo os outros tipos, o diagonal e o maciço. Os pneus radiais mantêm a união dos benefícios, sem apresentar as desvantagens dos anteriores.


Pneu MICHELIN XZM

Indicado para empilhadeiras que operam em indústrias, portos e aeroportos. Sua carcaça radial garante uma rodagem mais estável e com menos vibrações, permitindo menor necessidade de paradas para manutenção dos sistemas de suspensão, mais segurança no transporte da carga e maior conforto para o operador. Com menor resistência à rodagem, proporciona economia de combustível de 6% a 10%, se comparado ao pneu convencional com câmara, e de 15% a 20%, se comparado ao pneu semi-elástico ou maciço. Estes valores variam de acordo com o modelo do equipamento e sua utilização.

Pneu MICHELIN XZH

Para aplicação em caminhões basculantes 8x4 e 10x4, com utilização 100% fora-de-estrada. Foi produzido especificamente para suportar condições severas de desgaste e agressão. A banda de rodagem e os flancos reforçados oferecem elevada resistência a cortes e perfurações, o que torna o pneu ideal para o trabalho em minerações, pedreiras, cimenteiras e obras de construção pesada. Estas características, unidas a uma grande profundidade de sulcos, resultam em aumento na vida útil da carcaça e redução nas paradas por avarias nos pneus.

Pneu MICHELIN XMINE D2

Recomendado para o trabalho em pedreiras e cimenteiras, o MICHELIN XMINE D2 possui banda de rodagem robusta e profunda que, juntamente com um reforço suplementar nos ombros e flancos, oferece elevada resistência a perfurações e cortes.

MICHELIN XHA2

Pneus com excelente nível de tração indicados para terrenos de baixa e média agressão tais como: areais, trabalhos de terraplenagem, pátios de pedreira e mineradoras, presentes em obras de infraestrutura e canteiros de obras.

Devido à maior capacidade de resistência às agressões do solo, à melhor tração que ajuda a economizar combustível, à maior durabilidade e à melhor capacidade de recapagem, o MICHELIN XHA2 aumenta a produtividade das empresas, enquanto sua robustez torna mais seguras as operações nos canteiros de obras, proporcionando mais conforto para os operadores.

MICHELIN X SUPER TERRAIN

O pneu MICHELIN X SUPER TERRAIN foi desenhado para caminhões articulados. O pneu possui profundidade E4, o que permite ao pneu ser mais resistente à agressões de perfuração e maior durabilidade. Trata-se de um pneu mais adequado, para uso em condições de velocidade média de até 28km/h.
Exposibram
De 26 a 29 de setembro
Expominas (Av. Amazonas, 6.030 – Bairro Gameleira - Belo Horizonte – MG)
Horários: dia 26, das 17h às 21h, e dias 27, 28 e 29, das 13h às 21h
Estande da Michelin: rua AE 31, área externa

A missão da Michelin é contribuir de maneira sustentável para a mobilidade das pessoas e dos bens. Assim, o Grupo fabrica e comercializa pneus para todo tipo de veículo, incluindo aviões, automóveis, motocicletas, equipamentos de mineração e terraplenagem, caminhões e até mesmo para os ônibus espaciais da NASA. A Michelin também presta serviços online de ajuda à mobilidade (ViaMichelin.com) e edita guias turísticos, de viagem, de hotelaria e de alimentação, mapas e atlas rodoviários. O Grupo, cuja sede é localizada em Clermont-Ferrand (França), está presente em 170 países, emprega 117 mil pessoas no mundo inteiro e possui 68 unidades industriais implantadas em 19 países. (www.michelin.com)

 Voltar
 

Copyright © 2015 MICHELIN todos os direitos reservados