junho/2014 Michelin anuncia intenção de comprar Sascar

A Michelin anunciou hoje sua intenção de comprar a empresa Sascar, líder brasileira na gestão digital de frotas e na garantia da segurança das mercadorias transportadas.

Com sede em São Paulo, a Sascar realizou um faturamento de R$ 280 milhões, em 2013 (cerca de 91 milhões de euros), e vive um forte crescimento (16% em média) nos últimos três anos, com desempenho sólido e constante (EBITDA de 37% em 2013). Inovadora e dinâmica, empregando 870 colaboradores, a empresa desenvolveu uma forte presença no Brasil junto a transportadores autônomos e pequenos frotistas de carga, atores essenciais do mercado brasileiro de transporte rodoviário.

A Michelin irá se beneficiar da carteira de clientes e das competências humanas, técnicas e comerciais desenvolvidas pela Sascar em um mercado em pleno crescimento na utilização da telemática a serviço das frotas profissionais de transporte. Desta forma, a Michelin irá acelerar o desenvolvimento de serviços a seus clientes no mundo. Consolidamos, assim, um eixo importante de crescimento para o Grupo. » declarou Jean-Dominique SENARD, Presidente do Grupo Michelin.

A aquisição dessa sociedade, cujo modelo de negócios demonstrou sua eficácia no Brasil (33.000 frotas gerenciadas, 190.000 caminhões), permitirá à Michelin desenvolver sua oferta de serviços junto a transportadores e consolidar a sua atividade de pneus de carga no país.

A Michelin é líder no Brasil no segmento de pneus radiais para ônibus e caminhões e na área de pneus de mineração e terraplanagem. A empresa possui uma unidade de produção local desses pneus, em Campo Grande, além de uma fábrica pneus de automóveis, em Itatiaia, ambas no Estado do Rio de Janeiro, bem como uma ampla rede de revendedores em todo o Brasil e na América do Sul.

Passando a fazer parte do Grupo Michelin, a Sascar terá acesso aos clientes da Michelin no Brasil e também em toda a América do Sul.

O valor da empresa Sascar é de R$ 1 600 milhões (cerca de 520 milhões de euros), composto de um preço de aquisição de R$ 1 353 milhões (cerca de 440 milhões de euros) e de uma dívida de R$ 247 milhões (cerca de 80 milhões de euros) que serão ajustados no momento do fechamento da transação.

Essa aquisição está condicionada à validação das autoridades brasileiras.

A missão da Michelin, empresa líder na indústria de pneus, é contribuir para a melhoria da mobilidade das pessoas e das mercadorias de forma sustentável. Para isso, o Grupo Michelin fabrica e comercializa pneus para todos os tipos de veículos, de aviões a automóveis, passando pelos pneus para motocicletas e bicicletas, pneus para os equipamentos de mineração, de terraplanagem e de uso agrícola, assim como pneus para ônibus e caminhões. Michelin propõe também serviços informatizados de ajuda à mobilidade (ViaMichelin.com) e edita guias de turismo, de hotelaria e de gastronomia, assim como mapas e atlas rodoviários. O Grupo Michelin, cuja sede se localiza na cidade de Clermont-Ferrand, França, está presente em mais de 170 países, emprega 111.200 pessoas e tem 67 unidades de produção em 17 países diferentes. (www.michelin.com.br). O Grupo possui um Centro de Tecnologia encarregado pela pesquisa e pelo desenvolvimento com operações na Europa, na América do Norte e na Ásia.
 

CONTATOS PARA A IMPRENSA
Renata Guedes – (55 21) 3621-4393 – renata.guedes@br.michelin.com
Glauce Ferman – (55 21) 3621-4870 – glauce.ferman@br.michelin.com

 Voltar
 

Copyright © 2017 MICHELIN todos os direitos reservados